Perfil

Blitz

Uma parceria com o jornal EXPRESSO

Notícias

Getty Images

Os Brass Against pedem desculpa por atitude inexplicável da cantora Sophia Urista em palco

“Não é o que somos enquanto banda. A Sophie entusiasmou-se demasiado. Não esperávamos isto e não voltará a suceder”

Os norte-americanos Brass Against pediram desculpas públicas na sequência de um ato inesperado e desconcertante da sua vocalista, Sophia Urista, no concerto da banda no festival Welcome to Rockville, na Florida (EUA), este fim de semana.

O grupo, conhecido pelas suas versões para instrumentos de sopro de temas clássicos do rock e do metal, estava a tocar 'Wake Up', dos Rage Against the Machine, quando Sophia lamentou não ter tido tempo para ir à casa de banho. Pouco depois, um homem subiu ao palco, deitando-se no chão. Para espanto generalizado, e surpreendendo a própria banda, a artista exerceu a função mictória ali mesmo, fazendo incidir o fluxo de urina sobre o membro da assistência.

Num tweet entretanto apagado, os Brass Against pediram desculpas pelo ato: "Não é o que somos enquanto banda", podia ler-se. Um outro tweet entretanto publicado é ligeiramente mais diplomático: "A Sophie entusiasmou-se demasiado. Não esperávamos isto e não voltará a suceder".

Os Brass Against serão a banda de suporte dos Tool, para a digressão europeia que a banda de Maynard James Keenan encetará em 2022.