Perfil

Blitz

Uma parceria com o jornal EXPRESSO

Vídeos

Linda Martini: “Numa relação, se te chateares, podes ir embora. Numa banda não. A banda pode continuar sem ti e isso custa muito” [VÍDEO]

Questionados sobre se já pensaram em abandonar os Linda Martini, André Henriques e Cláudia Guerreiro dizem que o facto de a banda poder continuar sem eles os demove de sair

Rita Carmo

Rita Carmo

Fotojornalista

André Henriques e Cláudia Guerreiro, dos Linda Martini, consideram que é mais difícil acabar uma banda do que acabar uma relação a dois. Em entrevista à BLITZ, os dois músicos falaram sobre a hipótese de abandonar o projeto, defendendo: "uma pessoa, numa relação a dois, tem o poder de terminar… Mas numa banda não. Sabes que se não quiseres aquilo pode continuar sem ti, então nessa altura pensas “se calhar não quero que isso aconteça. Deixa-me lá continuar que isto vai-me custar muito se continuar sem mim”. Veja o vídeo no topo da página.

André Henriques e Cláudia Guerreiro falaram também sobre o facto de estarem a viver o seu "sonho de putos", de hoje conseguirem viver da música apesar de não ser um "mar de rosas" e da renovação de público que sentem especialmente nos concertos. "Quando um miúdo ou miúda com o dobro da nossa altura e já com ar de adulto, vem ter connosco e diz 'ah, eu comecei a ouvir-vos quando tinha 8 ou 9 anos', ficamos siderados".

A banda está também a começar a preparar um novo álbum e falou sobre ele no segundo episódio do podcast Posto Emissor, que pode ouvir nas principais plataformas (Spotify, Apple Music) ou no 'player' seguinte: