Blitz

Uma parceria com o jornal EXPRESSO

siga-nos

Perfil

Vídeos

INSIDE #42: Depois de 20 anos entre a multidão, Fred precisava de estar sozinho. Este é o seu mundo [VÍDEO]

Revelou-se nos Yellow W Van, fez parte do Orelha Negra, Buraka Som Sistema e Banda do Mar. Depois de duas décadas de cumplicidades, Fred Pinto Ferreira precisava de fazer “O Amor Encontra-te No Fim”. Encontrámo-lo em estúdio e ele tocou para nós

Fred Pinto Ferreira, 37 anos, tornou-se nas últimas duas décadas um dos músicos mais requisitados da cena musical portuguesa. Ligado a bandas como Yellor W Van, Oioai, Dapunksportif, Os Maduros, Buraka Som Sistema, 5-30, Orelha Negra ou, mais recentemente, a Banda do Mar, o filho de Kalu precisava agora de pensar em si.

“O Amor Encontra-te no Fim” é o seu primeiro álbum em nome próprio e o INSIDE encontrou-o em estúdio numa altura em que preparava o concerto de apresentação do disco, no Lux (Lisboa), que teve lugar na passada sexta-feira. Com a sua banda, interpretou para o INSIDE 'Geshe' e 'Boo'.

"Estava na altura de sozinho tentar criar uma história, um disco. É um processo que sempre me habituei a fazer com banda, mas desta vez queria fazer sozinho. Tinha de acontecer. No ano passado vivi o que queria e o que não queria, o suficiente para conseguir criar uma ideia para um disco. Este meu processo de composição fez-me estar muito tempo sozinho a debater-me se devo fazer de uma forma, de outra forma, se meto um instrumento ou outro. Mas tudo isso acaba por ser anulado perante o sentimento de amor que tens pelas coisas. As respostas vieram sempre através do amor que tenho pela música, pelos filhos, pelos amigos. O título do álbum reflectiu tudo isso", afirmou.

Para ver no vídeo no cimo desta página.