Blitz

Uma parceria com o jornal EXPRESSO

siga-nos

Perfil

Vídeos

Manel Cruz: “Nunca quis ser famoso, mas sempre fui vaidoso. A fama é perigosa, como a droga ou o amor” [VÍDEO]

Os perigos da fama, segundo o vocalista dos Ornatos Violeta, que tem disco a solo quase a sair

Lia Pereira

Lia Pereira

Jornalista

“Vida Nova”, o primeiro disco que Manel Cruz assina com o seu nome, sai no próximo dia 5 de abril e serviu de pretexto para uma longa entrevista, que em breve poderá ler na íntegra.

Um dos temas que o músico do Porto abordou na nossa conversa foi a sua relação com a exposição pública.

Nunca quis ser famoso. Mas sempre fui vaidoso, sempre fui egocêntrico”, começa por dizer. “Tem de se perceber que a fama é perigosa, como outra coisa qualquer. Como a droga, que é boa, mas perigosa. E como o amor”.

Veja no vídeo acima a resposta completa de Manel Cruz.

“Vida Nova” chega a 5 de abril às lojas e aos serviços de streaming. A 28 desse mês, há concerto na Casa da Música, no Porto, e a 1 de maio Manel Cruz e a sua banda estarão no Capitólio, em Lisboa.