Perfil

Blitz

Uma parceria com o jornal EXPRESSO

Notícias

Cory Monteith, estrela de Glee, morreu devido a mistura de heroína e álcool

Ator e cantor canadiano foi encontrado morto no passado sábado num quarto de hotel em Vancouver

Cory Monteith, uma das estrelas da série de TV Glee, já foi autopsiado e a causa da sua morte, no passado sábado, foi uma mistura de heroína e álcool, que levou a uma "overdose acidental".

O ator e cantor canadiano tinha 31 anos e foi encontrado no passado sábado, 13 de julho, num quarto de hotel em Vancouver. A autópsia afastou, assim, definitivamente a hipótese de crime, que a polícia de Vancouver já tinha negado depois de descobrir e examinar o corpo do ator. "Não há provas que sugiram que a morte de Mr. Monteith foi mais que um acidente trágico", lê-se no relatório da autópsia, citado pela Rolling Stone. 

"A família de Mr. Monteith já foi informada das circunstâncias da sua morte. Em nome dos familiares, o serviço de médicos legistas da Colúmbia Britânica pede aos meios de comunicação social que respeitem a sua privacidade nestes momentos difíceis", lê-se ainda. 

Oator participou em quatro temporadas da série Glee, tendo estado internado voluntariamente numa clínica de desintoxicação em abril passado para se livrar do vício de uma substância não especificada, coisa que já tinha acontecido quando tinha apenas 19 anos. Monteith namorava com Lea Michele, sua colega na série de televisão. 

Foto: Getty Images