Perfil

Blitz

Uma parceria com o jornal EXPRESSO

Notícias

Dave Grohl na capa da Rolling Stone: "Eu não quero morrer. Sei que é inevitável, mas vou lutar contra isso enquanto puder"

Dave Grohl e os restantes Foo Fighters deram uma longa entrevista à revista "Rolling Stone". O timoneiro Grohl, cuja foto está na capa, fala sobre a sua sede de vida e compara-o à personalidade de Kurt Cobain

A propósito do regresso aos palcos, os Foo Fighters estão na mais recente edição da revista "Rolling Stone", com uma longa entrevista de capa. Na mesma, aparece apenas Dave Grohl, em cujos relatos o artigo se centra.

Sobre a personalidade do líder da banda, o guitarrista Pat Smear, que também tocou com os Nirvana, confessa que, sempre que ouve Dave Grohl cantar "I never want to die", da canção 'Walk', pensa em Kurt Cobain. "Toda a santa vez. Porque o Kurt era o contrário: 'I hate myself and I want to die'."

Por seu turno, Dave Grohl confirma que a inspiração para esse tema lhe veio da morte do antigo companheiro de banda e do que sentiu na manhã que se seguiu a essa perda. "Quando nos sentimos presos numa crise e sentimos que não há solução, é mais fácil se pensarmos que essa crise é momentânea. E eu pensei: 'não quero voltar a sentir o que senti naquela manhã'."

"Mas não quero mesmo morrer!", reforça Dave Grohl. "Sei que é inevitável, mas não quero. Vai ser uma chatice. Vou lutar contra isso enquanto puder."

Na mesma entrevista, o músico fala da sua infância ("Fui educado num lar onde puder ser eu mesmo"), das desavenças já ultrapassadas com o pai e da resistência que sentiu, por parte dos fãs dos Nirvana, quando formou os Foo Fighters ("Acho que nunca nos sentimos cool".)