Perfil

Blitz

Uma parceria com o jornal EXPRESSO

Notícias

Carolina Deslandes

Carolina Deslandes: “Ou és fadista ou tens sempre um caminho muito mais difícil do que os homens na música”

“Antigamente, as pessoas diziam: 'não há mulheres a compor e a cantar', mas agora já não há desculpa”, afirma a artista. Contudo, continua a haver um obstáculo, no seu entender: “a resistência por parte da indústria”

A propósito da sua atuação com numerosas outras mulheres, na gala dos Prémios Play, Carolina Deslandes falou sobre as dificuldades atravessadas pelas artistas no mundo da música.

"Achei que era importante [reunir aquelas cantoras], porque há muita falta de representatividade feminina nestas coisas – tiveste seis canções [nomeadas a canção] do ano e só uma é que é de uma mulher", apontou a cantora-compositora, em entrevista ao site "Magg".

"Antigamente, as pessoas diziam: 'não há mulheres a compor e a cantar', mas agora já não há desculpa: há muitas mulheres a cantar, há muitas mulheres a fazer coisas boas e há uma resistência por parte da indústria que faz com que as mulheres tenham sempre um caminho mais difícil. Ou és fadista ou tens sempre um caminho muito mais dificultado do que os homens na indústria da música", acredita Carolina Deslandes.

Reveja aqui a atuação de Carolina Deslandes nos Prémios Play, com Bárbara Tinoco, Carolina Leite, Cláudia Pascoal, Diana Castro, Inês Pires, IRMA, Joana Duarte, Madalena Guedes, Rita Rocha, Rosa Antunes e Sara Correia.