Perfil

Blitz

Uma parceria com o jornal EXPRESSO

Notícias

Mastiksoul

Facebook Mastiksoul

DJ português Mastiksoul condenado por violência doméstica

Acusado pela ex-companheira, com quem viveu sete anos, o DJ e produtor de música eletrónica Mastiksoul foi condenado por violência doméstica e proibido de se aproximar da vítima

O DJ e produtor de música eletrónica português Mastiksoul, cujo verdadeiro nome é Fernando Figueira, foi condenado por violência doméstica contra a ex-companheira, e mãe do filho de três anos, esta terça-feira no Tribunal de Torres Vedras.

Segundo informação avançada pelo Correio da Manhã, o artista de 44 anos foi condenado a uma pena de prisão de dois anos e três meses, suspensa por igual período, e ficou proibido de se aproximar a menos de 500 metros da vítima, com quem viveu durante sete anos.

Além disso, Mastiksoul terá também de pagar as custas judiciais e uma indemnização de 2500 euros à ex-companheira, além de ficar obrigado a frequentar um curso de reabilitação para agressores.

Nascido em Angola em 1977, Fernando Figueira começou o seu percurso como DJ e produtor de música eletrónica no início dos anos 90, tendo atuado em discotecas como Alcântara ou Locomia e gravado canções com Nelson Freitas, Mariza ou Blaya.