Perfil

Blitz

Uma parceria com o jornal EXPRESSO

Notícias

Tózé Brito

Rita Carmo

Tozé Brito: “Há 20 anos, o mercado de vendas de música em Portugal valia 120 milhões de euros. Hoje vale 20”

“O mercado caiu seis vezes [em 20 anos]. Perguntam-me: 'Mas cada vez se ouve mais música, porque é que caiu?'. Porque o streaming paga muito pouco. Não voltamos aos 120 milhões nunca mais”, afirma o antigo patrão das editoras Universal e BMG. Para ouvir no podcast Posto Emissor

Tozé Brito traça um retrato do mercado da música em Portugal no episódio desta semana do podcast Posto Emissor.

O músico, vice-presidente da Sociedade Portuguesa de Autores e antigo patrão das editoras Universal e BMG explica que há 20 anos as vendas de música no país valiam 120 milhões de euros e atualmente só valem 20 milhões.

"O mercado de música hoje, em Portugal, vale 20 milhões de euros. Seis vezes menos", diz Tozé Brito, "caiu porque as plataformas digitais pagam muito pouco. Pagam mal às editoras. [As vendas] não voltam aos 120 milhões nunca mais".

Para ouvir a partir dos 36 minutos e 45 segundos: