Perfil

Blitz

Uma parceria com o jornal EXPRESSO

Notícias

Getty Images

Toda a gente está a abandonar Britney Spears

Depois do testemunho de Britney Spears em tribunal e a decisão judicial de manter o pai com a tutela da artista, são muitos os membros do 'Team Britney' que abandonam o 'barco'. Sobra a mãe

Vários membros da equipa de produção de Britney Spears abandonaram os seus postos, na sequência de uma decisão judicial que mantém o pai como tutor da cantora.

O mais recente foi Samuel Ingham III, advogado de Britney desde 2008. Ingham apresentou a sua demissão na passada terça-feira, removendo-se do processo judicial que opõe a cantora ao seu próprio pai.

No início do mês, a Bessemer Trust, empresa que geria a contabilidade de Britney juntamente com James Spears, anunciou também a sua retirada, dizendo querer "respeitar a vontade" da cantora. E, na segunda-feira, foi a vez de Larry Rudolph, seu manager há 25 anos, se despedir.

Para já, só a mãe de Britney, Lynne Spears, se manterá ao seu lado. Na sequência da decisão de Samuel Ingham III, Lynne pediu ao tribunal para que fosse permitido a Britney escolher o seu próprio advogado, ou selecionar um que seja do agrado da cantora.

Na petição que entregou em tribunal, Lynne afirma que Britney "consegue cuidar de si própria", e que as suas capacidades "são muito diferentes das que tinha em 2008", quando James Spears começou a gerir a sua carreira.