Perfil

Blitz

Uma parceria com o jornal EXPRESSO

Notícias

Pedro Abrunhosa, Blaya e Fernando Ribeiro (Moonspell)

Rita Carmo (Fernando Ribeiro)

Pedro Abrunhosa, Fernando Ribeiro e Blaya entre mais de 240 figuras públicas contra touradas na RTP

Numerosos músicos, como Adolfo Luxúria Canibal (Mão Morta), Carolina Deslandes ou Conan Osiris, assinaram carta que pede que a RTP deixe de transmitir touradas

Numerosos músicos, mas também atores, escritores, jornalistas, cientistas e profissionais de outras áreas, assinaram uma carta divulgada esta segunda-feira, 31 de maio, pedindo a revisão do contrato de concessão do serviço público de rádio e televisão entre o Estado e a RTP e defendendo que o canal público deixe de transmitir touradas.

A carta é endereçada ao ministro das Finanças, João Leão, e ao secretário de Estado do Cinema, Audiovisual e Media, Nuno Artur Silva, e nela se argumenta que, se esta proposta for para a frente, “poderemos finalmente ter uma televisão pública livre da transmissão de espetáculos que se baseiam na violência contra animais e normalizam tais comportamentos, como, por exemplo, sucede na tauromaquia”.

Na carta, que pode ser lida aqui, escreve-se que a RTP deve "promover o acesso do público às manifestações culturais portuguesas, desde que as mesmas não atentem contra os direitos humanos, a sustentabilidade ambiental e o bem-estar dos animais."

Entre os signatários encontram-se músicos como Adolfo Luxúria Canibal, Agir, Alex D'Alva Teixeira, Ana Bacalhau, Bárbara Bandeira, Benjamim, Blaya, Carolina Deslandes, Conan Osiris, Diogo Piçarra, Fernando Ribeiro (Moonspell), Filipe Melo, Filipe Sambado, Fred Ferreira, Kalaf, Mayra Andrade, Noiserv, Paulo Furtado (Legendary Tigerman), Pedro Abrunhosa, Rui Reininho (GNR), Selma Uamusse, Sara Tavares ou Tó Trips (Dead Combo). Também os atores Albano Jerónimo, Ana Guiomar, Beatriz Batarda ou Diogo Infante e os comunicadores Álvaro Costa, Fernando Alvim e Nuno Markl assinaram esta carta.