Perfil

Blitz

Uma parceria com o jornal EXPRESSO

Notícias

“Charlie bit my finger”, um dos vídeos mais populares de sempre, vai ser retirado do YouTube. Porquê? Foi vendido

Com quase 900 milhões de visualizações, o famoso vídeo do bebé que morde o dedo do irmão vai ser retirado do YouTube 14 anos depois de ser publicado. A 'culpa' é de um NFT

Um dos vídeos mais populares de sempre a surgir no YouTube, intitulado "Charlie bit my finger", vai ser retirado da plataforma em breve, 14 anos depois de ser publicado, porque foi vendido como NFT por mais de 760 mil dólares (mais de 620 mil euros).

A gravação de 56 segundos, protagonizada pelo bebé Charlie Davies-Carr e o irmão Harry, que vê o seu dedo dolorosamente mordido, tornou-se viral e desde 2007 recolheu mais de 880 milhões de visualizações.

A família Davies-Carr, que em 2010 conseguiu comprar uma casa nova devido ao sucesso do vídeo, levou-o a leilão no passado domingo e, segundo a CBS, entregou-o a uma conta anónima com o nome "3fmusic", que também já tinha adquirido os memes "Disaster Girl" e "Overly Attached Girlfriend".

No site onde decorreu o leilão, pode ler-se que quem adquirir o video em NFT terá "a oportunidade de criar o seu próprio vídeo a parodiar o original com as duas estrelas originais, Harry e Charlie". Os dois rapazes já são adolescentes.