Perfil

Blitz

Uma parceria com o jornal EXPRESSO

Notícias

António Manuel Ribeiro

Rita Carmo

António Manuel Ribeiro (UHF): “Então só agora é que descobriram Odemira? Todos nós sabíamos disso. Não temos é resposta”

“Toda a gente sabe. Agora que há uma pandemia é que descobrimos que existe imigração ou lares ilegais?”. António Manuel Ribeiro, 66 anos, voz dos UHF. Para ouvir no podcast Posto Emissor

António Manuel Ribeiro, líder dos UHF, é o convidado desta semana do Posto Emissor.

No momento em que lança “As Canções da Casa Escura”, um álbum a solo com temas que não couberam nos seus UHF, o músico de 66 anos faz uma viagem à infância passada sob a batuta de uma mãe de mão firme, reflete sobre um país “bipolar” e pondera sobre vários assuntos da atualidade.

Reagindo à polémica que se tem gerado em torno da situação dos imigrantes que trabalham em atividades agrícolas em Odemira, António Manuel Ribeiro afirma:

“A questão de Odemira e dos lares ilegais: então só agora é que descobriram? Todos nós sabíamos disso. Toda a gente sabe que existe, que é verdade. As pessoas estão na rua, nas aldeias, estão nos cafés. E os lares ilegais? Só agora que houve uma pandemia é que descobrimos? Isto acontece há quanto tempo? Não temos é resposta”

Para ouvir a partir dos 22 minutos e 32 segundos do podcast Posto Emissor:

  • Posto Emissor #59 BLITZ convida António Manuel Ribeiro. Da infância disciplinada à vergonha de Odemira

    Notícias

    António Manuel Ribeiro, líder dos UHF, é o convidado desta semana do Posto Emissor. No momento em que lança “As Canções da Casa Escura”, um álbum a solo com temas que não couberam nos seus UHF, o músico de 66 anos faz uma viagem à infância passada sob a batuta de uma mãe de mão firme, reflete sobre um país “bipolar” e pondera sobre as relações de poder entre homens e mulheres desde os anos 50 do século XX, em que nasceu, até agora. Os viciantes Altin Gün e os concertos que voltam a abundar em Portugal são outros temas desta edição do podcast semanal da BLITZ

  • Ao Vivo na Redação. António Manuel Ribeiro (UHF): “As festas são o grande mercado de trabalho do artista português. Isso está parado”

    Vídeos

    Na altura em que lança “Canções da Casa Escura”, um disco a solo, António Manuel Ribeiro é convidado do podcast Posto Emissor. Neste Ao Vivo na Redação, o músico de 66 anos fala da origem das canções que não couberam na esfera dos UHF, assinala a paragem forçada da sua banda de sempre devido à pandemia e mostra preocupação em relação ao estado da música ao vivo em Portugal. “É bom fazer um concerto-teste numa sala como o Campo Pequeno. Mas como é que se faz numa festa de um santo padroeiro em Trás-os-Montes?”