Perfil

Blitz

Uma parceria com o jornal EXPRESSO

Notícias

Beyoncé lamenta morte do humorista brasileiro Paulo Gustavo, vítima de covid-19 aos 42 anos

A morte do humorista brasileiro Paulo Gustavo, vítima de covid-19 aos 42 anos, sensibilizou muitas figuras públicas. Beyoncé, de quem Paulo Gustavo era grande fã, foi uma delas

Beyoncé prestou homenagem, no seu site oficial, ao humorista brasileiro Paulo Gustavo, que esta semana morreu, vítima de covid-19. O artista, que tinha muitos fãs no Brasil e também em Portugal, tinha 42 anos.

"Paulo Gustavo, descansa em paz", pode ler-se no site de Beyoncé, de quem o brasileiro era grande fã.

A homenagem a Paulo Gustavo, no site de Beyoncé

A homenagem a Paulo Gustavo, no site de Beyoncé

Paulo Gustavo, que sofria de asma, pertencendo assim a um grupo de risco, estava internado há dois meses. Segundo a sua melhor amiga, Susana Garcia, citada pela revista "Quem", o humorista fizera uma doação de cerca de 80 mil euros aos hospitais brasileiros mais afetados pela pandemia. "Na crise em Manaus, você enviou 500 mil reais para compra de oxigénio e nunca divulgou nada. Lembro um dia, antes de você ser intubado, que você me disse que estava sentindo muita falta de ar, mesmo com cateter de oxigénio, e que você estava feliz de ter comprado oxigénio para as pessoas", partilhou Susana Garcia.