Perfil

Blitz

Uma parceria com o jornal EXPRESSO

Notícias

Hélio Morais

Rita Carmo

Hélio Morais: “O Romeu e Julieta já foram. O amor difícil tem de acabar. É um disparate pegado”

“As pessoas têm de falar com o coração e não com passos calculados”, afirma Hélio Morais, refletindo no podcast Posto Emissor sobre a violência psicológica no contexto das relações amorosas

No Posto Emissor, podcast semanal da BLITZ, Hélio Morais, que acaba de lançar o disco a solo "Murais", falou sobre as situações de violência psicológica no contexto de relações amorosas, tema que aborda na canção 'Até de Manhã'.

"Não acredito nesse tipo de jogos nas coisas de amor", afirma o músico de Linda Martini e PAUS. "As pessoas têm de falar com o coração e não com passos calculados. Quando és defensivo, podes causar um dano grande na outra pessoa. É um disparate pegado. O Romeu e a Julieta já foram. Esse amor difícil tem de acabar."

Ouça esta resposta de Hélio Morais pelos 32m 45s.