Perfil

Blitz

Uma parceria com o jornal EXPRESSO

Notícias

Justin Bieber

Facebook Justin Bieber

Seguranças de Justin Bieber tinham de ir ao seu quarto à noite verificar se o cantor estava vivo. “Tinha tanto sucesso e continuava triste”

“As drogas foram uma forma de amortecer [a dor] e continuar em frente”. Aos 27 anos, Justin Bieber sente-se um homem realizado, mas nem sempre foi assim, conta o canadiano em longa entrevista

"A redenção de Justin Bieber" - é este o título do artigo de capa da revista GQ, que fez ao cantor canadiano uma longa entrevista sobre o momento feliz em que se encontra, a nível pessoal, mas também sobre os problemas que enfrentou até agora.

Neste artigo, o cantor canadiano confessa que, a certa altura, os seus seguranças começaram a ir ao seu quarto, durante a noite, para se certificarem que estava a respirar.

"Tinha tanto sucesso e ainda estava triste, ainda estava a sofrer", confessou Justin Bieber à "GQ". "Ainda tinha muita coisa por resolver e achava que o sucesso ia resolver tudo. Por isso, para mim, as drogas foram uma forma de amortecer [a dor] e continuar em frente."

Depois de ultrapassar os problemas de toxicodependência, que atingiram o seu ponto mais grave em 2017, Justin Bieber conseguiu recuperar e encontra-se, hoje, feliz ao lado da sua mulher, Hailey, com quem pensa um dia vir a ter filhos.

"É lindo podermos aspirar a nisso. Dantes, a minha vida doméstica era instável. Não tinha uma cara-metade. Não tinha ninguém para amar e com quem desabafar. Agora tenho uma mulher que adoro, que me conforta. Sinto-me seguro", resume.

Instagram

Instagram