Perfil

Blitz

Uma parceria com o jornal EXPRESSO

Notícias

St. Vincent sobre a 'cancel culture': “Digam-me uma pessoa que tenha vivido uma vida inteira sem falhas”

“Não há ninguém entre nós que tenha vivido uma vida inatacável. Não é possível”

St. Vincent insurgiu-se contra a chamada "cancel culture", em entrevista ao NME.

A cantautora norte-americana acredita que deveríamos utilizar a informação que temos ao nosso dispor, de forma a "provocar menos, e não mais, sofrimento humano".

St. Vincent deu como exemplo o seu novo disco, "Daddy's Home", inspirado pelo seu próprio pai de St. Vincent, preso em 2010 por fraude.

"Quis contar histórias de pessoas com defeitos, a fazer o seu melhor para sobreviver, e compor sobre a condição humana com humor, compaixão e sem juízos de valor. Ninguém é perfeito, as pessoas cometem erros e podem mudar", disse.

"Se não cremos que isso é possível, então não sei o que estamos a fazer".

"Não há ninguém entre nós que tenha vivido uma vida inatacável. Não é possível. Digam-me uma pessoa que tenha vivido uma vida inteira sem falhas", acrescentou.