Perfil

Blitz

Uma parceria com o jornal EXPRESSO

Notícias

Chino Moreno e Stephen Carpenter (esq-dir) dos Deftones

Getty Images

Guitarrista dos Deftones acredita que o planeta é plano e o 11 de Setembro não aconteceu

Stephen Carpenter, que já antes havia defendido teorias da conspiração, afirma ter reunido “mais provas” de que a Terra não é redonda. “Todo o conhecimento que temos de que estamos num globo deriva das nossas crenças”, afirma. E o delírio do guitarrista não fica por aqui

Stephen Carpenter volta a estar nas bocas do mundo. O guitarrista dos Deftones reafirmou a sua crença na ideia de que a Terra é plana, e acrescentou-lhe uma outra teoria da conspiração: o 11 de setembro não aconteceu.

À conversa com Jamey Jasta, dos Hatebreed, no programa The Jasta Show, Carpenter disse que "todo o conhecimento que temos de que estamos num globo deriva das nossas crenças", e anunciou ter descoberto "mais provas" da planura da Terra.

"Os teus instintos nunca te dizem que estás a viver numa bola espacial que roda", afirmou. "Quando perdes tempo a estudar o tema, descobres coisas que mudarão a tua perspetiva. Todas as pessoas da Terra Plana acreditavam que viviam num globo, até terem olhado para ela".

Instado a apresentar "provas", o guitarrista mostrou-se esquivo, referindo-se apenas a vários vídeos no YouTube. Mas acrescentou: "Se eu for até à costa, os meus olhos dizem-me que o horizonte é perfeitamente plano. Até num avião".

Esta não é a única "teoria" propagada por Stephen Carpenter: o guitarrista acredita ainda que "o espaço não existe", e que todas as imagens captadas por organizações como a NASA são "um espetáculo". E não só. Confrontado por Jamey Jasta com um vídeo que mostra um suposto alienígena, o músico respondeu: "também há imagens de um avião a atingir as Torres Gémeas".

Veja a entrevista: