Perfil

Blitz

Uma parceria com o jornal EXPRESSO

Notícias

Getty Images

Elton John acusa o Vaticano de “hipocrisia” por se recusar a abençoar o casamento gay depois de investir milhões no filme ”Rocketman”

O Vaticano, num documento assinado pelo Papa, defende que “Deus não pode abençoar o pecado”, recusando-se a admitir o casamento entre homossexuais. Elton John contrapõe: “Como é que conseguem dizer que é pecado depois de lucrarem com o investimento de milhões que fizeram em 'Rocketman', um filme que celebra a felicidade do meu casamento com David Furnish?”

Elton John acusou o Vaticano de "hipocrisia", após a decisão da Santa Sé de não permitir aos seus padres que abençoem casamentos homossexuais.

Num documento assinado pelo Papa Francisco, o Vaticano defende que “Deus não pode abençoar o pecado”, com a Congração para a Doutrina da Fé, um dos Órgãos da Santa Sé, a considerar que os casamentos entre casais do mesmo sexo "não podem ser considerados lícitos".

No Instagram, Elton John - que casou com o seu marido, David Furnish, em 2014 - questionou: «Como é que conseguem dizer que é pecado depois de lucrarem com o investimento de milhões que fizeram em 'Rocketman', um filme que celebra a felicidade do meu casamento?». No final, assinou com a hashtag "hipocrisia".

Veja o post: