Perfil

Blitz

Uma parceria com o jornal EXPRESSO

Notícias

Nível de álcool no sangue de Bruce Springsteen seria um quarto do permitido. Não é claro porque foi detido

O limite máximo no estado de Nova Jérsia é quatro vezes mais elevado do que o valor que Springsteen acusou quando soprou no ‘balão’

A quantidade de álcool que Bruce Springsteen teria no sangue, aquando da sua detenção, seria de apenas 0,02 gramas - quatro vezes menos que o limite máximo no estado norte-americano de Nova Jérsia, que é de 0,08 gramas de álcool por 100 mililitros de sangue.

Foi esta quarta-feira noticiado que o músico foi detido a 14 de novembro, na Gateway National Recreation Area, em Nova Jérsia, por conduzir sob o efeito de álcool. Porém, a taxa de alcoolemia de Springsteen era, noticia o USA Today, muito inferior àquela que leva a uma detenção.

Como tal, não é claro o motivo que levou as autoridades a deter Springsteen. O caso seguirá agora para um tribunal federal, com o "Boss" a ter que se apresentar perante um juiz dentro de algumas semanas.

O caso já levou a Jeep a retirar de circulação o anúncio que fez com o músico, o qual estreou na Super Bowl.