Perfil

Blitz

Uma parceria com o jornal EXPRESSO

Notícias

António Pedro Ferreira

Álbum póstumo de Carlos do Carmo sai em abril

No álbum "E Ainda...", Carlos do Carmo, que morreu a 1 de janeiro deste ano, canta José Saramago, Júlio Pomar e Jorge Palma, entre outros

Foi revelada a data de lançamento de "E Ainda...", o disco póstumo de Carlos do Carmo, que faleceu no passado dia 1 de janeiro. O trabalho chega às lojas a 16 de abril e já pode ser pré-encomendado.

Neste álbum de inéditos, que em comunicado se diz ter sido "todo concebido e criado em vida", Carlos do Carmo cantou poemas de Hélia Correia, Herberto Helder, Júlio Pomar, José Saramago, Vasco Graça Moura, Sophia de Mello Breyner e Jorge Palma.

Gravado ao longo de três anos, fruto da intuição de Carlos do Carmo, que sentia ainda ter "coisas para cantar", "E Ainda..." tem o fado tradicional como fio condutor, contando ainda com a música de Victorino D’Almeida, Mário Pacheco, Paulo de Carvalho e José Manuel Neto.

O disco será editado em formato digital; duplo CD (com o álbum de originais e o concerto dos coliseus de 2019); edição deluxe; digipack de capa rija (exclusivo da FNAC, com o DVD do concerto do Coliseu, ensaios e entrevista) e vinil.