Perfil

Blitz

Uma parceria com o jornal EXPRESSO

Notícias

Blaya

Instagram Blaya

Blaya: “Para quê ser ativista, ir a manifestações, e depois não votar? Não cometas o mesmo erro que eu”

O apelo de Blaya ao voto nas Presidenciais. “Foi preciso [chegar aos] 30 anos para tomar consciência de que a mudança começa por mim”

Blaya confessou, numa publicação no Instagram, que ganhou recentemente uma visão diferente sobre a importância do voto.

"Vou ser muito sincera!", começa a cantora por escrever. "Eu comecei a votar há bem pouco tempo. Era toda (...) do pensamento que o meu voto não iria contribuir nada para a mudança, e tenho a certeza que muita gente que está aqui no meu instagram também pensa da mesma maneira. Mas se eu pensar assim, o meu amigo pensar assim , o primo do meu amigo pensar assim e etc... a bolha vai enchendo e acaba por rebentar! E o que é que nós fizemos?? Nada! Ficámos em casa sem votar,a dizer que o nosso voto não ia prestar pra nada! Mas não é assim!", argumenta.

Possivelmente a propósito das eleições presidenciais portuguesas, no próximo dia 24 de janeiro, Blaya alerta: "Esta é a nossa oportunidade de tentar mudar para melhor. Para quê ser ativista em certas ocasiões, ir a manifestações, e depois não votar? Não sejas preguiçoso! Ainda por cima para saberes onde podes votar, basta enviares uma mensagem para o 3838, e ficas a saber! Foi preciso praticamente 30 anos , para eu começar a votar e tomar consciência que a mudança começa POR MIM! Não cometas o mesmo erro que eu. VOTA!", apela Blaya, partilhando uma foto da sua filha, que para si representa o futuro.