Perfil

Blitz

Uma parceria com o jornal EXPRESSO

Notícias

Carlos do Carmo

Ana Baião/Expresso

Marcelo Rebelo de Sousa: "A melhor forma de homenagearmos Carlos do Carmo é com esperança"

À SIC Notícias, o Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, lembrou que Carlos do Carmo foi o rosto da candidatura do fado a Património Imaterial da Humanidade. "

Marcelo Rebelo de Sousa falou, em declarações à SIC Notícias, sobre o facto de Carlos do Carmo, que hoje morreu aos 81 anos, ter sido "uma figura a vários títulos excecional".

"Foi um grande intérprete de fado, um formador de gerações e um aproximador das comunidades portuguesas no mundo", elogiou o Presidente da República, lembrando ainda o seu papel como "grande promotor da candidatura do fado a Património Imaterial da Humanidade".

"Portugal deve-lhe essa projeção no mundo. Ele foi o rosto dessa vitória", afirmou Marcelo Rebelo de Sousa, celebrando ainda o caráter "sensível, intuitivo e ligado às raízes" do artista que contribuiu para "a solidificação da identidade nacional e a projetou no estrangeiro".

"A melhor forma de homenagear Carlos do Carmo é olharmos para o futuro e fazer uma homenagem não só de luto, mas de esperança", concluiu o Presidente da República.