Perfil

Blitz

Uma parceria com o jornal EXPRESSO

Notícias

Getty Images

Ex-membro de boyband inglesa aproveitou quarentena para ler o seu primeiro livro. Agora não consegue parar

Cantor dos East 17 rendido aos encantos dos livros. Desde início da quarentena já leu dezenas de obras

Tony Mortimer, antigo vocalista da boyband East 17, deu uma entrevista ao jornal "The Guardian" durante a qual falou do seu novo amor: a leitura.

O músico admitiu só ter começado a ler a partir dos 50 anos, mas confessa agora que não consegue parar, depois de se ter virado para os livros para combater o aborrecimento provocado pela quarentena.

"Os livros são escapismo puro, não são?", afirmou. "O enredo, as descrições, as metáforas. Alimentam a imaginação como nenhum outro meio. Fazem as nossas preocupações desaparecer".

Desde o início da pandemia, Mortimer já leu cerca de 70 livros - e diz que o seu recorde é de sete horas de leitura, num só dia. Uma aplicação no seu smartphone, para livros, é também apontada como "culpada": descobri centenas de livros a partir daí", disse.

Entre os autores que já leu estão nomes como J.K. Rowling, Charles Dickens ou J.R.R. Tolkien, e há um favorito entre eles: Agatha Christie. "Ela é um génio", garantiu.