Perfil

Blitz

Uma parceria com o jornal EXPRESSO

Notícias

Tom Cruise no 'set' de “Missão Impossível” em outubro de 2020

Getty Images

Fúria de Tom Cruise levou parte da equipa de “Missão Impossível” a abandonar o filme

O 'raspanete' de Tom Cruise causou conflitos internos na rodagem do novo filme “Missão Impossível”. Várias pessoas foram embora

O ataque de fúria do ator Tom Cruise durante as filmagens do mais recente filme de "Missão Impossível" já levou a que uma série de elementos - pelo menos cinco - abandonassem a equipa, avança o jornal britânico The Sun.

Um áudio da explosão do ator norte-americano, revoltado por não estar a ser respeitada a distância de segurança exigida pela pandemia de covid-19 durante as rodagens em Londres, foi tornado público e as consequências já estão à vista.

Cruise chegou mesmo a ameaçar que despediria quem voltasse a quebrar as regras, depois de dois elementos da equipa se terem juntado com menos de dois metros de distância entre eles perto de um monitor.

Segundo a publicação britânica, o ator ficou ainda mais furioso depois de o áudio da sua explosão ter sido divulgado e voltou a discutir com a equipa. "Missão Impossível 7" tem estreia agendada para 18 de novembro de 2021 em Portugal.