Perfil

Blitz

Uma parceria com o jornal EXPRESSO

Notícias

Dino D'Santiago

Rita Carmo

Dino D'Santiago: “Nos aeroportos, fico sempre [retido] no controlo. Conforme a cor da pele vai clareando, a cena acontece logo”

“Vais perdoando, vais perdoando, mas pensas ‘não abusemos’”, desabafa Dino D'Santiago sobre os comportamentos que observa quando viaja para outros países. Para ouvir no podcast Posto Emissor

Dino D'Santiago falou sobre as experiências pouco agradáveis que vive em aeroportos devido à cor da sua pele. Em entrevista ao Posto Emissor, o podcast semanal da BLITZ, o cantor começa por dizer: "quando vou tocar a Londres, a Paris ou a Berlim, fico sempre muito tempo [no controlo de passageiros]".

"Começas a reparar em comportamentos: conforme a tez vai clareando, a cena acontece logo. É tão ridículo que eu tento fazer a cara da fotografia do passaporte. Vais perdoando, vais perdoando, mas pensas ‘não abusemos’", acrescenta ainda.

O álbum "Kriola" de Dino D'Santiago foi eleito álbum nacional de 2020 pela redação da BLITZ - veja a lista completa de melhores discos do ano seguindo este link.

Ouça a partir dos 27 minutos e 20 segundos.

Assinar o Posto Emissor no iTunes.