Perfil

Blitz

Uma parceria com o jornal EXPRESSO

Notícias

Dino D'Santiago

Rita Carmo

Dino D'Santiago: “Nunca quis que as pessoas dissessem: coitadinho, veio daquele sítio”

“A água do mar entrava na nossa casa. Para os meus pais era o terror, para nós [filhos] era engraçado”. Dino recorda a infância passada no Bairro dos Pescadores, em Quarteira, no podcast Posto Emissor

Dino D'Santiago assumiu não gostar de falar sobre a infância porque "nunca quis que as pessoas dissessem 'coitadinho, veio daquele sítio'". O músico diz que apesar de ter crescido num bairro de lata em Quarteira, nos Algarve, o Bairro dos Pescadores, foi "muito feliz".

"Bloqueei muita coisa para não ficar na síndrome da vítima, porque não fui vítima. Fui muito feliz", acrescenta D'Santiago em entrevista ao Posto Emissor, o podcast semanal da BLITZ, "a água do mar entrava na nossa casa. Para os meus pais era o terror, mas para nós era engraçado”.

O álbum "Kriola" de Dino D'Santiago foi eleito álbum nacional de 2020 pela redação da BLITZ - veja a lista completa de melhores discos do ano seguindo este link.

Ouça a resposta completa a partir dos 22 minutos.

Assinar o Posto Emissor no iTunes.