Perfil

Blitz

Uma parceria com o jornal EXPRESSO

Notícias

Capitão Fausto em “Sol Posto”

Filme-concerto dos Capitão Fausto em sessão única via streaming e em 'video on-demand'

Um mês após a estreia nos cinemas, “Sol Posto”, o filme-concerto dos Capitão Fausto, vai ter direito a sessão única em streaming a 22 de dezembro, e estará igualmente disponível por tempo limitado no 'video on-demand' dos serviços de televisão por cabo

Um mês após a estreia nos cinemas, "Sol Posto", o filme-concerto dos Capitão Fausto é disponibilizado em sessão única de streaming, a 22 de dezembro, às 22h00. Ficar igualmente disponível em video on-demand das 00h01 de 23 de dezembro às 23h59 de 27 de dezembro nos serviços de TV por cabo da MEO, NOS, NOWO e Vodafone.

O acesso à exibição em plataforma de streaming custa €6,50, estando os bilhetes à venda, enquanto o video on-demand via TV por cabo tem o preço de aluguer de €4,99.

“Sol Posto” é um filme-concerto composto por versões inéditas do repertório da banda, integrando três atuações gravadas ao vivo que ocorreram em três momentos distintos do dia: crepúsculo, noite e alvorada.

O som e imagem foram gravados ao vivo, ao longo de uma semana em setembro de 2020, em Melides. A realização é de Ricardo Oliveira.

"Tal como na vida quotidiana recente, o filme enfrenta a ideia de um período de ponderação em vez de ação, e de suspensão em vez de concretização", pode ler-se na apresentação. "Vimos passar 2020 com olhos atentos, focados, mas à distância. De dentro das nossas casas imaginámos o que poderia ter acontecido e foi travado, e impotentes para resolver a fonte do impedimento, conformámo-nos com a espera. Os músicos continuaram a tocar música, e os espectadores continuaram a querer ouvi-la, mas deixaram de existir lugares para o fazer. Sol Posto é uma proposta. Se por um lado pretende evocar os mais verosímeis aspetos da experiência de um concerto, torna-se também numa oportunidade de quebrar a barreira física do tradicional palco/plateia".

“Este filme não é uma resposta aos problemas – os problemas continuam. Somos nós a encontrar uma forma de chegar às pessoas”, contaram os Capitão Fausto em entrevista à BLITZ no passado mês de novembro.