Perfil

Blitz

Uma parceria com o jornal EXPRESSO

Notícias

Irmã de Miley Cyrus quis defender masculinidade de Harry Styles e acabou a usar um insulto racista

Noah Cyrus respondeu a uma comentadora conservadora norte-americana, que afirmou que Harry Styles não é suficientemente masculino por ter vestido roupas femininas na capa da “Vogue”. Mas ao defender as opções de Styles, Cyrus acabou por usar um termo racista e teve de pedir desculpas

Noah Cyrus pediu desculpa por ter utilizado um termo considerado racista, na sua defesa de Harry Styles.

O ex-One Direction e a comentadora conservadora Candace Owens, negra, têm trocado argumentos nas redes sociais. Para Owens, Harry Styles não é suficientemente masculino por ter vestido roupas femininas na capa da “Vogue”.

Noah meteu-se na discussão, empregando um termo considerado racista, "nappy", contra Owens. "Nappy" é um termo ofensivo, que designar o cabelo seco e enrolado dos negros.

A irmã de Miley Cyrus pediu posteriormente desculpa: "sinto-me horrível por ter usado uma palavra sem conhecer o seu contexto e a sua história, mas agora já sei e lamento muito. Nunca mais a voltarei a usar, obrigado por me educarem", escreveu.