Perfil

Blitz

Uma parceria com o jornal EXPRESSO

Notícias

Getty Images

Dormiu com Mick Jagger, Bob Dylan, David Bowie e outras estrelas. Agora conta tudo num livro

As memórias da cantora Dana Gillespie, que namorou ou manteve relações amorosas com algumas das maiores estrelas da música do século XX

A cantora Dana Gillespie irá editar, em janeiro, um livro onde relata as suas aventuras amorosas com alguns dos maiores nomes do rock do séc. XX, como Mick Jagger, David Bowie ou Bob Dylan.

Intitulado "Weren't Born a Man", mesmo título do álbum que lançou em 1973, o livro sai a 18 de janeiro e foi apresentado pela própria, em entrevista ao jornal britânico Daily Mirror.

De entre todos os nomes com quem teve relações, Dana destaca Keith Moon, baterista dos The Who falecido em 1978, como "o lunático mais simpático". "Nunca foi chato ou aborrecido", disse.

"Tudo o que se escreveu sobre ele é verdade. Ele viveu a vida até ao limite, e tinha um apetite enorme por álcool, drogas e sexo".

Ainda assim, uma paixão assolapada foi algo que não existiu entre ambos - a cantora só entregou verdadeiramente o seu coração a Dylan.

"É do cérebro dele. A inteligência é um afrodisíaco. Ele é um enigma, é como que um icebergue, só vemos uma pequena ponta daquilo que ele é", explicou.

"Quando ele entrou em minha casa, chegou imediatamente perto da estante com os livros. Gosto de um homem que faz isso".

Situações mais escabrosas ficaram de fora do livro, já que Dana sente que "é melhor não lavar roupa suja". Mas não esconde que a cultura da época era muito... própria.

"Toda a gente se drogava, e quem se conseguisse mexer acabava na cama. Era assim que funcionava", contou.