Perfil

Blitz

Uma parceria com o jornal EXPRESSO

Notícias

Sinéad O'Connor

Getty Images

Sinéad O’Connor entra em tratamento durante um ano. “Morreu-me alguém querido e viciei-me em algo mais do que erva”

A artista irlandesa dirigiu-se aos fãs anunciando a sua retirada da vida pública durante um ano para tratamento de “trauma e dependências”. Leia aqui as suas mensagens

Sinéad O'Connor anunciou que irá retirar-se da vida pública durante um ano, para dar início a um tratamento para "trauma e dependências".

No Twitter, a cantora irlandesa anunciou que as datas da sua próxima digressão serão adiadas para 2022, para que se possa recuperar.

"Passei por seis anos bastante traumáticos, e este foi o último. Mas agora começa a recuperação", escreveu.

Sinéad revelou, ainda, ser "viciada em erva há 34 anos", mas que a morte de alguém próximo a levou a procurar outras substâncias. "Morreu-me alguém querido e viciei-me em algo mais do que erva", continuou.

"Cresci com traumas e abusos, e depois entrei logo na indústria da música. E nunca aprendi a fazer uma vida normal. Se usar este tempo para me curar, estarei pronta para uma vida de digressões. Se não o fizer, não o estarei", justificou.