Perfil

Blitz

Uma parceria com o jornal EXPRESSO

Notícias

Notícias

Posto Emissor #37: BLITZ convida Tiago Bettencourt. Do “alter ego venenoso” à recusa dos extremismos

Tiago Bettencourt é o convidado desta semana do Posto Emissor. Com novo disco, “2019 Rumo ao Eclipse”, nas lojas, o músico português recorda os tempos em que, com os Toranja, chegou a um público que não era o seu e comenta vários temas da atualidade: as eleições norte-americanas, a carta aberta da direita portuguesa ou os condicionalismos nos concertos nos próximos fins de semana em grande parte do país. Neste episódio do podcast da BLITZ falamos ainda sobre o novo discos de Jeff Tweedy (dos Wilco), o filme-concerto dos Capitão Fausto e os 20 anos de carreira de Mariza

Lia Pereira

Lia Pereira

Jornalista

Tiago Bettencourt é o convidado desta semana do Posto Emissor, o podcast semanal da BLITZ. Em conversa com Lia Pereira e Luís Guerra, o cantor-compositor português fala sobre o seu novo álbum, “2019 Rumo ao Eclipse”, no qual recorre a um “alter ego” venenoso para mandar alguns 'recados', bem como sobre o êxito inesperado que encontrou com a sua antiga banda, os Toranja.

A sensação de que não pertence a um 'rebanho', ou a uma qualquer corrente na música portuguesa, e a evolução da música popular, quer na duração dos temas quer na profusão de convidados por cada canção, foram outros dos temas da conversa com Tiago Bettencourt.

A sua opinião sobre as recentes eleições presidenciais nos Estados Unidos e a carta aberta da direita portuguesa, posicionando-se contra extremismos, pode também ser conhecida no episódio desta semana do Posto Emissor.

As novas limitações nos horários dos concertos, que ao fim de semana, nos 121 concelhos mais afetados pela pandemia, só poderão acontecer até às 13h, e os mais recentes discos de Jeff Tweedy, dos Wilco, e Capitão Fausto vieram também à baila.

A apresentação do 37º Posto Emissor está a cargo de Lia Pereira e a edição multimédia é de Rúben Tiago Pereira.

Sejam bem-vindos.