Perfil

Blitz

Uma parceria com o jornal EXPRESSO

Notícias

Lil Pump

Instagram Lil Pump

Lil Pump perdeu 400 mil seguidores no Instagram depois de declarar apoio a Donald Trump, que lhe chamou Lil Pimp

Ter aparecido num comício de Trump, no início desta semana, causou efeitos imediatos na 'saúde social' de Lil Pump: num ápice, 400 mil fãs desligaram-se do Instagram do rapper. Na famigerada ocasião, Trump cometeu um lapso e pediu a Lil Pimp (algo como 'pequeno proxeneta') que subisse ao palanque

Menos 400 mil seguidores no Instagram: o efeito do apoio de Lil Pump a Donald Trump não foi favorável ao rapper.

Depois de se declarar apoiante da candidatura republicana nas eleições presidenciais dos EUA, o rapper norte-americano participou mesmo num comício de Trump, na segunda-feira, em Grand Rapids, estado do Michigan. Na ocasião, Trump cometeu um lapso, chamando ao palco Lil Pimp, expressão que poderá ser traduzida como 'pequeno proxeneta', "uma das maiores superestrelas do mundo", mas a deserção dos fãs tornava-se visível.

Lil Pump - Gazzy Garcia de seu verdadeiro nome - chegou a brincar com a situação, alterando o nome da sua conta Instagram para Lil Pimp, mas o rapper de 20 anos perdeu em três dias 400 mil seguidores, tendo agora um (ainda assim muito apreciável) número de 17 milhões de seguidores em todo o mundo.

O apoio a Trump tem sido visível nas redes sociais do músico natural da Flórida, estado ganho por Trump nas eleições de terça-feira.