Perfil

Blitz

Uma parceria com o jornal EXPRESSO

Notícias

Kasabian

Vocalista dos Kasabian apagado da banda

A passagem de 23 anos de Tom Meighan pelos Kasabian foi erradicada do presente da banda e os seus rendimentos futuros foram cortados

Quatro meses depois de ter abandonado os Kasabian, o ex-vocalista Tom Meighan está a ser apagado totalmente da banda. Segundo o jornal The Sun, o músico deixou de fazer parte das empresas dedicadas ao merchandising e às digressões da banda da banda britânica, o que significa que não receberá qualquer percentagem dos lucros obtidos.

Recorde-se que Meighan foi despedido pela banda em julho devido ao caso de violência doméstica, contra a namorada Vikki Ager, que o levou ao tribunal, em julho, e a ser condenado a 200 horas de trabalho não remunerado. "Ninguém queria que isto acontecesse. Trabalhámos muito ao longo dos últimos 23 anos e tínhamos grandes planos para o nosso futuro. Estamos destroçados, mas não tivemos outra escolha que não pedir-lhe que abandonasse o grupo", confessaram os Kasabian.

Salientando que "a violência doméstica e o abuso de qualquer tipo" são coisas "inaceitáveis", a banda disse ainda que tiveram de adiar a saída de Meighan até que "ele fosse considerado culpado". O músico também emitiu um comunicado, pedindo desculpa pelo seu comportamento. "A culpa é toda minha e assumo as minhas responsabilidades", disse, antes de confessar o seu problema de alcoolismo.