Perfil

Blitz

Uma parceria com o jornal EXPRESSO

Notícias

Getty Images

Tory Lanez formalmente acusado de dar um tiro a Megan Thee Stallion

Lanez, de 28 anos, foi detido após uma discussão com a cantora. Já é conhecida a pena máxima que pode vir a enfrentar

O rapper Tory Lanez foi formalmente acusado de alvejar a tiro Megan Thee Stallion, sua colega de profissão.

O caso teve lugar em julho, após uma altercação em Hollywood Hills. Lanez disparou contra a rapper, atingindo-a num pé enquanto esta entrava para uma carrinha.

Caso seja condenado, o músico poderá vir a passar um máximo de 23 anos na prisão. Lanez chegou a ser detido na noite do incidente, mas foi posteriormente libertado sob fiança.

Desde então, Megan Thee Stallion partilhou vários vídeos, nas redes sociais, onde apontou Lanez como o autor do crime. "Foi a pior experiência da minha vida", afirmou.

O rapper não comentou publicamente o caso durante semanas, até ter lançado o seu quinto álbum de estúdio, "Daystar", que contém várias referências a Megan Thee Stallion.