Perfil

Blitz

Uma parceria com o jornal EXPRESSO

Notícias

Nick Cave: “O universo atacou-me com a máxima força, mas ainda cá estou”

Nick Cave, que ontem fez anos, reflete sobre significado da liberdade para si

Nick Cave celebrou esta semana o seu 63º aniversário, e o 2º aniversário do seu website, o Red Hand Files.

Questionado por um fã sobre o que significava para si a liberdade, recorrendo a uma frase de Nina Simone ("liberdade significa não ter medo"), Cave respondeu: "é a capacidade de renunciar ao controlo das consequências das coisas. Nesse aspeto, concordo com a Nina".

"Estes são tempos sombrios mas, no meu caso, a meditação, a perda do meu filho e até o facto de estar a ficar mais velho permitiram-me chegar a um ponto onde não me sinto à mercê das consequências como me sentia dantes. Hoje em dia, não me importo muito que o que acontece", continuou.

"Sinto que se me manter fiel a mim próprio e seguir a minha intuição, se renunciar ao controlo das consequências, as coisas acabam por correr bem".

O músico não se ficou por aí, explicando o que é também para si a liberdade no que à sua obra diz respeito: "toco o que quero tocar, digo o que quero dizer, e deixo que as coisas se desenrolem por si. O universo atacou-me com a máxima força, mas ainda cá estou".