Perfil

Blitz

Uma parceria com o jornal EXPRESSO

Notícias

Lady Gaga

Instagram Lady Gaga

Lady Gaga chegou a ter medo de sair de casa: "Todos os dias acordava, lembrava-me que era a Lady Gaga e ficava deprimida"

Em longa entrevista, Lady Gaga partilha alguns momentos difíceis e conta que durante confinamento fez espécie de comunidade hippie em sua casa. "Giro a minha equipa como uma família"

Lady Gaga concedeu uma longa entrevista à Billboard, na qual comparou, bem-humorada, o período de quarentena imposto pela pandemia da Covid-19 à sua própria experiência como estrela pop.

Dizendo-se em quarentena desde os 21 anos, a artista norte-americana explicou que, aquando do início da pandemia, se sentiu algo assustada - mas também, e estranhamente, bem preparada.

Gaga chegou mesmo a levar alguns dos membros da sua equipa, mais vulneráveis ao contágio, para a sua casa em Hollywood Hills, transformando-a numa espécie de comunidade hippie.

"Alguém ia às compras, os outros lavavam os vegetais, e depois alguém cozinhava", disse. "Eu giro a minha equipa como uma família, não como meus empregados".

A autora de "Joanne" não se coibiu também de abordar os seus problemas de saúde mental, nomeadamente a depressão - confessando que chegou a ter medo de sair de casa.

"Todos os dias acordava, lembrava-me que era a Lady Gaga e ficava deprimida", admite, revelando que só conseguiu superar tais medos com ajuda profissional. "A minha existência era uma ameaça para mim. Todos os dias pensava em coisas muito negras".