Perfil

Blitz

Uma parceria com o jornal EXPRESSO

Notícias

Joaquin Phoenix nas filmagens de "Joker"

Getty Images

50 milhões de dólares para voltar a ser Joker no cinema. A proposta milionária que Joaquin Phoenix recebeu

O ator Joaquin Phoenix poderá voltar a ser Joker no cinema se aceitar uma proposta de 50 milhões de dólares, mais de 42 milhões de euros

Joaquin Phoenix poderá voltar a encarnar o anti-herói Joker no cinema se aceitar uma proposta de 50 milhões de dólares (mais de 42 milhões de euros) para gravar mais dois filmes, que servirão de sequela a "Joker", de 2019.

O filme do ano passado, realizado por Todd Phillipes, foi um sucesso de bilheteira (angariou mais de mil milhões de dólares) e valeu a Phoenix o Óscar de melhor ator, o que levou o estúdio Warner Bros. a encomendar não uma mas duas sequelas.

Segundo declarações de uma fonte não identificada ao jornal Mirror, "ainda está a ser negociado, mas os argumentos estão a ser escritos e o Joaquin está muito envolvido. A intenção é fazerem duas sequelas nos próximos quatro anos". Um chegaria aos cinemas em 2022 e o outro em 2024.