Perfil

Blitz

Uma parceria com o jornal EXPRESSO

Notícias

Um biopic dos Metallica? “Ainda não comprei essa ideia. Há tantos filmes biográficos que nos fazem revirar os olhos”, diz Lars Ulrich

O baterista dos Metallica, Lars Ulrich, falou sobre a possibilidade de a banda vir a fazer um filme biográfico. "É uma espécie de dilema, para mim"

Lars Ulrich, baterista dos Metallica, falou sobre a possibilidade de a sua banda dar o salto para o cinema em formato biográfico, explicando que é uma ideia "complicada". "Ainda não comprei essa ideia", disse em entrevista ao site Collider, "há tantos filmes biográficos que nos fazem revirar os olhos".

"A pergunta que se impõe é: de que período temporal estamos a falar? Seriam os Metallica nos seus tempos de juventudo ou agora?", questionou-se o músico, elogiando de seguida o que foi feito pelo ator Taron Egerton no filme "Rocketman", sobre Elton John: "o casting foi incrível e revelou-se certeiro".

Considerando que a ideia de escrever uma autobiografia é "desafiante", Ulrich defende que a questão do filme é "uma espécie de dilema". "Estas histórias merecem a verdade se fores falar sobre elas, mas, ao mesmo tempo, não podes dar como garantido que toda a gente envolvida nelas quer ver a sua vida exposta".

Foi precisamente por terem dúvidas sobre uma biopic que a banda gravou o filme "Through the Never", de 2013, "mas se for uma coisa mais autobiográfica, acho que vai ser muito mais desafiante". "Sou um defensor da verdade, por alguma razão, portanto se não vais contar as coisas como aconteceram mais vale estares calado. É aí que as coisas se tornam complicadas, mas vamos ver como as coisas se desenrolam".