Perfil

Blitz

Uma parceria com o jornal EXPRESSO

Notícias

Festa do Avante

Ana Baião/Expresso

As medidas sanitárias comunicadas pelo PCP para a Festa do Avante

Todas as medidas de segurança e saúde anunciadas pelo PCP para a Festa do Avante até ao momento. Plano de contingência acordado com a Direção-Geral da Saúde é revelado hoje quer pelo partido quer pelo governo no briefing diário da pandemia de covid-19

As medidas sanitárias para a Festa do Avante, que regressa à Quinta da Atalaia esta semana - decorre de sexta a domingo -, já foram reveladas pelo PCP, mas o partido anunciou que ainda hoje vai divulgar o plano de contingência que resulta do parecer técnico da Direção-Geral da Saúde (DGS).

Apesar de a DGS ter dito que não iria divulgar a versão final do parecer técnico, tanto o Primeiro-Ministro António Costa como o Presidente da República Marcelo Rebelo de Sousa anunciaram, há momentos, que as regras serão divulgadas, hoje, no briefing diário da pandemia de covid-19.

Em comunicado, a organização diz que a festa "preenche e respeita o conjunto de normas em vigor", acrescentando, no entanto, que "o parecer da DGS contém em vários domínios graus de exigência maiores relativamente à Festa do que tem estabelecido para outras iniciativas".

O PCP aponta o dedo à "pulsão antidemocrátca mal disfarçada" dirigida à Festa do Avante, dizendo que "fica completamente à vista quando, ao mesmo tempo que tudo fazem para impedir a realização da Festa, mentem insistindo na ideia que os festivais estão proibidos e fingem não ver o que se passa no país”.

No comunicado, o partido critica as maiores exigências feitas à Festa do Avante quando comparando com as "dezenas de festivais e espetáculos que se estão a realizar, ao ar livre ou em espaços fechados como o Campo Pequeno", "as feiras do livre atualmente a decorrer em Lisboa e no Porto", as "praias cheias, incluindo com turistas estrangeiros", os "centros comerciais a funcionar" e "as atividades religiosas retomadas, nomeadamente a peregrinação de Agosto em Fátima com muitos milhares de participantes”.

O recinto da Festa do Avante tem um total de 30 hectares, tendo sido aumentado em 10000m2, e em simultâneo acolherá 1/3 das presenças da capacidade licenciada. Veja abaixo as medidas sanitárias anunciadas até ao momento, tendo em conta que as mesmas poderão entretanto ter sido revistas de acordo com o plano de contingência a ser divulgado.

- As portas abrem mais cedo na sexta-feira para evitar concentrações na entrada

- Serão abertas mais portas para evitar cruzamentos nas entradas e saídas

- Os visitantes têm de ter a máscara de proteção consigo, sendo o seu uso obrigatório nos espaços assinalados, balcões de atendimento, instalações sanitárias, exposições, feira do livro, feira do disco, etc.

- Os três palcos de grande dimensão são ao ar livre: a área da plateia do palco 25 de abril foi aumentada em 6000m2; o Auditório 1º de Maio passa a ser descoberto com uma área de 5000m2; o espaço de cinema Cineavante será ao ar livre, com uma área de 3300m2

- Haverá delimitação de áreas, com marcação de corredores e circuitos

- O pagamento será feito preferencialmente com cartão contactless

- Foi criada a figura de "Assistente de Plateia", que ajudará a orientar as pessoas

- Os espaços de exposições terão controlo de entrada e circuito linear com entrada e saída

- O espaço do livro passa a funcionar numa área ampla e com sombra

- Haverá encerramento temporário, em horário fixo, dos WCs para desinfeção

- Os espaços de esplanada serão alargados de forma a colocar mesas e assentos com distanciamento

- Haverá equipas permanentes de higienização das esplanadas em cada espaço

- Os pontos de higienização das mãos serão aumentados, sendo disponibilizado álcool-gel em diversos pontos

- Será reduzida a densidade de construção e reduzidas as paredes para maior circulação de ar