Perfil

Blitz

Uma parceria com o jornal EXPRESSO

Notícias

Fernando Ribeiro, dos Moonspell

Rita Carmo

Fernando Ribeiro (Moonspell): “Os artistas precisam de dinheiro mas também de atenção. Não andamos todos os dias nas redes sociais”

“Quando a pandemia começou, embora a música seja muito importante na nossa vida, a minha família e a minha saúde vieram primeiro”, afirma Fernando Ribeiro, vocalista dos Moonspell, em entrevista ao site norte-americano Brave Words. Os planos próximos dos Moonspell, como fazer “um concerto de Halloween antecipado”, foram outros assuntos abordados

Fernando Ribeiro, vocalista dos Moonspell, deu uma entrevista sobre o próximo álbum dos Moonspell, que a banda planeia lançar em fevereiro de 2021.

Ainda este ano, os portugueses planeiam dar um concerto especial de Halloween, com plateia reduzida e transmissão em streaming, e apresentar o primeiro tema do álbum novo, que será cantado em inglês.

Estas são revelações feitas por Fernando Ribeiro ao site Brave Words. Na entrevista, o músico traça um paralelismo entre a situação atual e aquela que se vivia em 1999.

"Em 1999, vivíamos uma situação semelhante à de hoje. Havia muito caos e teorias apocalípticas. Dizia-se que ia acontecer o bug do ano 2020, que aviões iriam cair e o mercado bolsista seria atacado. Li o livro 'The Butterfly Effect' e é uma metáfora muito fiel de 1999 e do que se passa agora, [a pandemia] que começou num pequeno mercado asiático e teve implicações em todo o mundo", diz.

"Quando a pandemia começou, embora a música seja muito importante na nossa vida, a minha família e a minha saúde vieram primeiro", afirma ainda Fernando Ribeiro. "Os artistas precisam de dinheiro mas também precisam de muita atenção. Com todo o respeito, não somos o tipo de pessoa que está todos os dias nas redes sociais".

"Desde março que temos tentado perceber se os fãs estão abertos a ver um concerto, e percebemos que estão muito interessados. Se calhar faremos um concerto de Halloween antecipado, como os Type O Negative costumavam fazer: para poucos espectadores, porque em Portugal ainda há muitas limitações. O concerto será também transmitido em streaming e até ao final do ano vamos dar outros concertos em Portugal e França".

Sobre o próximo disco dos Moonspell, Fernando Ribeiro revela que "não será como '1755' [lançado em 2017], que foi um álbum conceptual cantado em português. Este será cantado em inglês e liricamente será sobre a solidão, o que é uma coincidência, porque já tinha pensado em fazê-lo antes da covid-19. Nem sozinho, nem em sociedade".