Perfil

Blitz

Uma parceria com o jornal EXPRESSO

Notícias

13 pessoas morreram esmagadas a sair de discoteca após raide da polícia

Perante a presença das autoridades, que procuravam impor confinamento, centenas de pessoas em Lima, no Peru, procuraram escapar de uma discoteca por uma única porta. A tragédia aconteceu

13 pessoas morreram ao tentar fugir de uma festa clandestina numa discoteca em Lima, capital do Perú.

A fuga deu-se após os moradores terem alertado as autoridades, já que as medidas de contenção impostas pelo governo do Perú não permitem este tipo de aglomerações.

A discoteca albergava cerca de 120 pessoas, que procuraram escapar à polícia, saindo pela única porta existente no espaço. 13 delas acabaram por morrer esmagadas e asfixiadas.

Para além das mortes, outras seis pessoas ficaram feridas, incluindo três polícias.