Perfil

Blitz

Uma parceria com o jornal EXPRESSO

Notícias

Getty Images

Metallica comentam recaída de James Hetfield: “Não percebemos o que vinha aí. Foi profundamente perturbador”

Kirk Hammett, Lars Ulrich e Robert Trujillo afirmam-se surpreendidos pela recaída de James Hetfield, que levou o vocalista da banda a procurar tratamento. “Foi um choque”

Os Metallica deram uma entrevista à Metal Hammer, onde falaram abertamente do problema com a dependência do álcool do seu vocalista, James Hetfield.

Recorde-se que Hetfield teve uma recaída em 2019, o que o levou a dar entrada numa clínica de desintoxicação, e obrigou ao cancelamento de vários concertos.

"Não percebemos o que vinha aí", afirmou o baixista Robert Trujillo. "Ele parecia estar bem, mas quando olhas para trás e tentar analisar a situação percebes que havia vários sinais".

"Estar na estrada pode ser um desafio muito grande, e imagino que para ele, estar em frente a todas aquelas pessoas e ter de estar 'ligado'... e, enquanto isso, a tua família não está contigo e há uma série de coisas a acontecer. Isso acumula-se".

Para o guitarrista Kirk Hammett, de cada vez que algo do género acontece isso é "profundamente perturbador". "Foi um choque", admitiu.

Já o baterista Lars Ulrich garantiu que a banda estava preparada para uma eventualidade do género: "À medida que vês os teus irmãos, amigos, companheiros a passar por altos e baixos durante décadas, sabes como será o processo", explicou.