Perfil

Blitz

Uma parceria com o jornal EXPRESSO

Notícias

Paredes de Coura em 2019

Rita Carmo

Em ano de paragem, Vodafone Paredes de Coura montou o palco “para recordar e celebrar o amor que envolve este festival”. Veja a foto

O Vodafone Paredes de Coura, que deveria estar a decorrer esta semana, assinala o ano de pousio com um palco de recordações

Lia Pereira

Lia Pereira

Jornalista

Se não fosse a pandemia de covid-19, o festival Vodafone Paredes de Coura estaria a acontecer por estes dias, no Alto Minho.

Para assinalar a data, a organização anunciou uma iniciativa especial: "Este ano, replicamos o palco principal com memórias. Uma instalação fixa que pretende recordar e celebrar o amor que envolve este festival".

"O festival Vodafone Paredes de Coura é muito mais do que concertos e prova disso são os milhares de fotografias que recebemos nos últimos dias para relembrar todos os momentos que vivemos naquele que foi batizado como o habitat natural da música", pode ainda ler-se nas redes sociais do festival minhoto.

A organização apela ainda ao cumprimento das medidas da Direção-Geral da Saúde, por parte daqueles que decidam visitar o recinto.

Ontem, foram anunciados mais sete nomes para a edição de 2021 do Vodafone Paredes de Coura, entre os quais Mão Morta, Mac DeMarco e Yves Tumor.