Perfil

Blitz

Uma parceria com o jornal EXPRESSO

Notícias

Getty Images

No dia do seu 57º aniversário, James Hetfield dos Metallica recebe 'piropo': "Ele é o Padrinho do metal"

"O segredo está na sua presença física", diz outro dos grandes do rock. O vocalista dos Metallica celebra hoje, 3 de agosto, 57 primaveras

Lia Pereira

Lia Pereira

Jornalista

James Hetfield, vocalista e guitarrista dos Metallica, celebra esta segunda-feira, 3 de agosto, 57 anos.

A poucas semanas do lançamento de mais um disco ao vivo dos Metallica, desta feita com a Sinfonia de São Francisco, James Hetfield recebeu um grande elogio de um companheiro do rock: Jerry Cantrell, dos Alice in Chains.

"Há muito tempo, eu e o Sean [Kinney, baterista dos Alice in Chains] juntámo-nos com o James Hetfield e o Robert Trujillo para darmos um concerto de solidariedade em Los Angeles. O James pediu-me para cantar 'Them Bones' e 'Would?' [dos Alice in Chains] e além dessas duas canções ainda tocámos 'Nothing Else Matters' [dos Metallica]. Foi uma das coisas mais fixes que já fiz na vida", contou Jerry Cantrell ao site Louder than Sound.

"Como guitarrista, venho da escola do Malcolm Young [AC/DC], que tem tudo a ver com ritmo e escrita de canções. Não sou um virtuoso dos solos. Para mim, o que importa é o ritmo, o tom, o sentimento e os arranjos. Penso que o James é da mesma escola que eu".

"O que faz do James um frontman tão bom é a sua presença física. Ninguém conquista o mesmo tipo de respeito e atenção sem parecer egocêntrico".

"Para ele, o que importa é a música, a diversão, a celebração e a ligação com os fãs. Isso inspira-me muito, porque ele anda nisto há tanto tempo e ainda continua à procura de um significado mais profundo".

"Ele pegou numa coisa underground e levou-a a todo o mundo. Os Metallica são enormes, para mim e para qualquer fã de hard rock ou metal. Ele é o Padrinho", remata Jerry Cantrell.