Perfil

Blitz

Uma parceria com o jornal EXPRESSO

Notícias

'Livestream' de banda brasileira interrompido por tiroteio da polícia. Situação foi transmitida em direto

Um quinteto brasileiro estava a transmitir um concerto na internet quando a polícia lançou um ataque a uma casa vizinha, num bairro de classe média do Rio de Janeiro. A situação ficou registada no 'livestream'

Um concerto da banda brasileira Aglomerou, que estava a ser transmitido em direto através da internet, foi interrompido por um tiroteio envolvendo a polícia do Rio de Janeiro.

O incidente foi filmado e mostra os cinco membros dos Aglomerou, um grupo de pagode, a serem mandados parar por um polícia, antes de se ouvirem tiros e o som de um helicóptero.

Segundo a Globo, o tiroteio esteve relacionado com uma investigação da Delegacia de Homicídios da Baixada Fluminense, no bairro da Ribeira, de classe média.

As autoridades declararam que o alvo era uma propriedade próxima, que albergava uma festa onde alegadamente se encontravam alguns fugitivos à justiça. Os presentes foram multados por quebrar as regras do confinamento.

Após o incidente, a banda garantiu aos fãs estar a salvo, e prometeu voltar ao livestream noutra data.