Perfil

Blitz

Uma parceria com o jornal EXPRESSO

Notícias

Carolina Deslandes

Getty Images

Carolina Deslandes apela à contenção: “Já fui teenager e sei o que é querer estar nas festas todas, mas é preciso que parem um bocadinho”

A cantora apelou à contenção dos adolescentes no que toca a festas, jantares e outros ajuntamentos em época de covid-19

Lia Pereira

Lia Pereira

Jornalista

Carolina Deslandes falou sobre o impacto da pandemia de covid-19 no seu trabalho e no rendimento da sua equipa.

Em entrevista à N-TV, a cantora-compositora afirmou: “O maior susto para os ‘frontmans’ é a nossa equipa, a nossa banda. Depois a nossa família, tenho pessoas em casa que dependem de mim”.

Carolina Deslandes defende, também, que haja “um maior apoio do Estado” ao setor “Não servimos só para entreter quando as coisas estão más, temos de ser apoiados porque para haver entretenimento e cultura é preciso que as pessoas que a produzem e criam estejam amparadas”.

Na mesma entrevista, a autora de 'A Vida Toda' deixou um apelo à contenção por parte dos adolescentes.

“Cada passo em falso compromete milhares de estruturas de trabalho que estão a realizar atividades para que as pessoas estejam juntas mas a cumprir regras”, alerta Carolina Deslandes. “Cada festa, cada lapso de inconsciência, temos de andar 20 passos para trás. Por isso apelo à consciência dos jovens: já fui teenager, já soube o que era querer estar nas festas todas e nos jantares mas para haver tempo para isso de forma segura é preciso que agora parem um bocadinho”.