Perfil

Blitz

Uma parceria com o jornal EXPRESSO

Notícias

Danny Clinch Photography

Pearl Jam, Guns N’ Roses e Tool receberam ajudas do governo americano durante a pandemia

São várias as grandes bandas que pediram apoio financeiro depois de verem as suas digressões canceladas devido à covid-19

O governo dos Estados Unidos criou um programa especial de ajudas a artistas que viram as suas digressões canceladas devido à pandemia da Covid-19.

O Paycheck Protection Program (PPP) já ajudou, entre outros, nomes como os Pearl Jam, Eagles, Guns N' Roses, Green Day, Slipknot, Tool e Nickelback, entre outros.

Estas ajudas financeiras servirão, sobretudo, para estes artistas poderem pagar os salários das suas equipas de digressão, sem serem forçados a despedir alguns membros.

Ao todo, foram distribuídos 584 mil milhões de euros por 660 mil beneficiados. Bandas como os Eagles, Pearl Jam ou Disturbed receberam entre 309 mil euros e 885 mil euros, e bandas como os Weezer, Imagine Dragons, Chainsmokers ou Nickelback receberam mais de 132 mil euros.

Algumas editoras independentes, como a Sub Pop ou a Third Man Records, também tiveram direito a estas ajudas.