Perfil

Blitz

Uma parceria com o jornal EXPRESSO

Notícias

Notícias

Posto Emissor #23: BLITZ convida Rui Veloso. Dos 40 anos de 'Chico Fininho' à necessidade de “fugir da colmeia”

Este é o Posto Emissor, todas as quintas-feiras na Blitz, no Expresso e nas principais plataformas de podcasts. Rui Veloso é o convidado desta semana. Voltamos a 1980 e ao jovem saído do Porto que em Lisboa gravou “Ar de Rock”, um álbum vital no rock em Portugal que completa por estes dias 40 redondos verões. Os prazeres e as expectativas do músico de 63 anos são temas de uma conversa desempoeirada

O convidado do 23º episódio do podcast Posto Emissor é Rui Veloso. O músico de alguns dos maiores sucessos da música em Portugal fala com Lia Pereira e Luís Guerra sobre o contexto em que se fez “Ar de Rock”, o álbum que no verão de 1980 caiu como uma bomba de norte a sul do país, dando início ao denominado 'boom' do rock português.

Rui Veloso falou-nos desses tempos pioneiros e da vida que, imediatamente antes, levava no Porto, recordando episódios curiosos e partilhando sobre o percurso que o trouxe até hoje, a um tempo que reclama de maior serenidade. Confessa, inclusive, que foi sempre um artista relutante, com pouca confiança nos seus méritos, refém de alguma timidez e desconfiado da fama.

No episódio desta semana falamos das novidades festivaleiras de 2021 - do Rock in Rio ao Vodafone Paredes de Coura, os concertos que, em tempos de pandemia, se vão realizar nos próximos dias, de Branko aos Best Youth; de uma conversa com Rosalía, que em breve divulgaremos; dos 'feitos' do veterano Bob Dylan, omnipresente na história da música desde 1961; de discos novos dos texanos Khruangbin e dos londrinos Wire.

A condução deste Posto Emissor, gravado em condições especiais para cumprir as recomendações das autoridades de saúde devido à covid-19, esteve a cargo de Lia Pereira e contou com edição multimédia de Rúben Tiago Pereira.

Sejam bem-vindos.