Perfil

Blitz

Uma parceria com o jornal EXPRESSO

Notícias

Getty Images

O discurso cortante de Gary Clark Jr: “Estou farto de chorar. Pomos as mãos no ar e eles atiram a matar”

“Alguns de vós estão agora a tocar Jimi Hendrix, Kendrick Lamar ou Stevie Wonder. Vocês sabem quem são, a chamarem-se a si mesmos tipos dos blues ou cantores R&B. Onde estavam quando nos mandaram ao chão?”. 9 minutos dilacerantes de Gary Clark Jr.

O guitarrista Gary Clark Jr. partilhou, no Instagram, um vídeo de 9 minutos no qual aborda a morte de George Floyd e critica duramente a violência policial e o racismo.

"Tenho andado calado desde há alguns dias porque não sei o que dizer", começou por afirmar. "Estou farto de chorar na televisão. Estou farto de estar triste por causa disso. Farto de me sentir deprimido, ansioso, lixado. Sinto que sempre que saio de casa, posso morrer".

"Sou um homem negro de 1,93 metros. Provavelmente, o pior pesadelo para muitos de vós", continuou. "Nós só queremos acordar de manhã, fazer o melhor que conseguirmos, ganhar as nossas vidas e as das nossas famílias e voltar para casa. Porque é que isso é preocupante, e um desafio?"

"Alguns de vós estão agora a tocar Jimi Hendrix, Kendrick Lamar ou Stevie Wonder. Vocês sabem quem são, a chamarem-se a si mesmos tipos dos blues ou cantores R&B. Onde estavam quando nos mandaram ao chão? Pomos as mãos no ar e eles atiram a matar. Gostam de nós quando somos estrelas, mas quando precisamos de ajuda não fazem nada?"

Veja o vídeo: